Na sexta-feira (13), domingo (15) e terça-feira (17) de Carnaval, a animação promete voltar a algumas ruas do concelho de S. Pedro do Sul, com a passagem do já tradicional corso carnavalesco. Assim, por esta altura, são várias as localidades do concelho de S. Pedro do Sul que vão receber os desfiles alusivos a esta época que, por hábito, retractam questões locais, não esquecendo a situação actual do país. E, por ser uma época de grande animação, as organizações só esperam que a chuva dê uma trégua e que o sol apareça para que o Carnaval brilhe ainda mais em terras de S. Pedro do Sul.

 Misericórdia de Santo António e Agrupamento de S. Pedro do Sul

A partir das 10 horas, do dia 13 de Fevereiro, as crianças do Jardim-de-Infância da Misericórdia de Santo António e do Agrupamento de Escolas de S. Pedro do Sul, bem como alguns utentes do Lar da referida instituição, vão percorrer as ruas da Cidade. O percurso terá início em frente ao Jardim-de-Infância, com paragem no Centro Escolar para que as demais crianças desta instituição se juntem ao desfile. De seguida, rumo à Av. Sá Carneiro, rotunda do shopping, Rua 25 de Abril, passando pelo Largo da Feira, voltando para a Av. Sá Carneiro e retornando deste ponto à Misericórdia, onde se dará por fim o desfile. Também o carro alegórico da Misericórdia não pode faltar, pois é ele que vem animar a festa com as suas músicas tradicionais, embalando os foliões pelas ruas e fazendo ‘sorrir’ a vasta plateia que os vem ver passar.

Em Santa Cruz da Trapa

O tradicional corso carnavalesco da Vila de Santa Cruz da Trapa vai sair à rua, no dia 15 [domingo], a partir das 15 horas. A organização do evento, este ano, conta com várias parcerias, como sejam da Associação Recreativa e Cultural de Santa Cruz da Trapa (ARCSCT), da União das Freguesias de Santa Cruz da Trapa e de São Cristóvão de Lafões [que vai atribuir um subsídio às aldeias da freguesia que participem no desfile] e das povoações que integram esta freguesia. Contudo, espera ainda contar com o apoio da Câmara Municipal, de empresas da região e de demais instituições da freguesia. Todavia, no dia do desfile haverá o tradicional peditório de rua, de forma a ajudar a fazer face às despesas. Quanto à participação, fonte da organização disse-nos que “à semelhança do ano passado, após reunião com os responsáveis, chegamos à conclusão que a adesão será significativa, com a presença de todas as localidades e colectividades da freguesia”. Evidenciou ainda que, “como tal, esperamos que no desfile participem, pelo menos, 15 carros alegóricos”. Outro dado avançado pelos responsáveis é que a adesão ao evento será superior à registada no ano transacto. Ou seja, “esperamos que mais de cinco mil pessoas venham prestigiar o nosso corso” - frisaram. Em termos de foliões, a aposta vai para centenas de pessoas, havendo já a confirmação de três grupos de bombos, que são os de Campia, de São Romão e os Amigos do Bombo. Relativamente ao orçamento para o Carnaval, a direcção referiu que “apesar da crise que se tem sentido, mantemos o mesmo orçamento do ano passado – mais de cinco mil euros – porque mesmo tentando minimizar os custos, com um Carnaval desta envergadura, é-nos impossível diminuir o valor”. O desfile terá início na EBI de Santa Cruz, seguindo para o Largo do Calvário e terminando junto à extensão do Centro de Saúde. A organização informa também que quem quiser integrar o corso poderá fazê-lo no dia do desfile, até às 14 horas, junto à EBI de Santa Cruz (local onde se inicia).  A festa culminará com um concurso de máscaras, a ter lugar nos Bombeiros Voluntários de Santa Cruz da Trapa, a partir da 21 horas, com actuação do grupo ‘CS Band’.

Negrelos

Na terça-feira de Carnaval, dia 17 de Fevereiro, como já é tradição, a Associação Cultural e Recreativa de Negrelos, a partir das 15 horas, volta à rua com o seu desfile de Carnaval. Contactado o presidente da Direcção, empossado recentemente, João Maneca, disse-nos que relativamente ao orçamento para este ano, o valor deve “rondar os sete mil euros”. Quanto aos apoios, o responsável espera os provenientes da Câmara Municipal de S. Pedro do Sul, do comércio local e do peditório realizado no dia do cortejo, para ajudarem a fazer face “aos vários gastos”. A animação vai ser também palavra de ordem neste desfile, com a presença de “cerca de 10 carros alegóricos, mascarados e cabeçudos” – informou João Maneca. Acrescentou ainda que, “para além disso iremos contar com a presença de três grupos de bombos e a abrir o corso vai estar a Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital”. Qualquer folião, mediante contacto prévio, poderá juntar-se a festa, informou João Maneca, salientando que espera “a presença de um grande número de pessoas para verem passar o corso”. A saída do desfile carnavalesco está prevista para as 15 horas e o trajecto é o seguinte: início na rotunda de Negrelos, passando pelas rotundas da pedreira, do S. Pedro e do Lidl, rumo à Praça da República, Rua Serpa Pinto, Rua de Camões e Rua 25 de Abril, com o seu término em frente ao antigo Centro de Saúde. Após o desfile, na Associação de Negrelos, haverá um lanche convívio, seguido da actuação do Grupo ‘Meia Arte’.